Programa de Treinamento em Produtividade Organizacional

Programa de Treinamento em Produtividade Organizacional

Um Programa de capacitação de organizações em competitividade e eficiência.

O grande dilema para as organizações é maximizar sua eficiência (fazer mais com menos) e ter a capacidade de tornar sua estrutura enxuta, mas rapidamente escalável, para não se exporem a perder as oportunidades que o mercado oferece, especialmente quando a concorrência é alta e o mercado é exigente e recessivo.

Esta dupla competência – eficiência e rapidez na implementação de mudanças – é algo que demanda a criação de uma cultura de negócios voltada à criatividade e ao foco nos resultados. Isto está longe da realidade das organizações brasileiras que, segundo a Conference Board de 2014, mostra que perdemos feio, mesmo para os nossos vizinhos: o valor da produção média por hora no Brasil alcançava US$ 10,80, enquanto no Chile era de US$ 20,80.

E este cenário não mostra sinais consistentes de recuperação.

Reverter esta tendência nas organizações não é algo mágico. Porque falamos de fortes fatores inibidores da produtividade organizacional.

Externamente temos: tutela governamental, excessos democráticos, menor taxa de natalidade (mudança do eixo social), influência da internet, a dicotomia entre automação e flexibilidade, escassez de talentos e déficit educacional. Internamente as estruturas organizacionais se expõe a vários vícios: centralização excessiva, meritocracia distante, desconhecimento das competências chaves, indicadores defasados, sistema burocrático de metas, altas demandas por RH e liderança desfocada pelas múltiplas pressões.

O programa visa desenvolver competências coletivas de percepção do ambiente e orientação para resultados em cada centro de atividade organizacional, seja ela do core business ou de suporte.

Uma solução para cada organização

Após um diagnóstico inicial, o programa visa capacitar cada organização a se orientar para a auto renovação do modelo de contratação (perfil e desempenho), revisão de indicadores e metas (novas métricas), desenvolvimento de sistema de levantamento e monitoramento das competências crítica para o negócio, treinamento intensivo de colaboradores (per capita) sobre as competências chaves e aprimoramento da liderança (potencial humano).

Responsável técnico: Prof. Rony Locher.

Solicite mais informações sobre este ou outros serviços. Clique aqui