Consultoria é caro? Por quê?

Consultoria é caro? Por quê?

Voltemos a falar de remuneração. Este é um ponto central e sensível no negócio de consultoria, principalmente em uma época de recessão e com tantos mercados reduzindo constantemente sua margem de lucratividade para SOBREVIVER!

Em conversa com vários consultores percebe-se que a taxa horária de consultoria já é definida e passada ao cliente no primeiro contato, sem ao menos levantar suas necessidades: “Eu cobro R$350. Se você quiser meu serviço, é este o preço”.

Quando um serviço é oferecido à um cliente dessa forma, uma grande oportunidade de negócio, certamente estará sendo desperdiçada.

Você pode ganhar muito mais se mudar apenas a maneira de atrair o seu cliente.

Como você pode agregar mais valor ao seu negócio e ganhar muito mais? O primeiro passo é criar um programa flexível ao orçamento.

Algumas dicas

– Ao invés de dizer “minha taxa horária é tanto”, crie um processo de geração de ofertas.
– Para cada cliente desenvolva um programa específico de trabalho e ofereça-o por um preço fechado.
– Personalizar o serviço é bem mais atrativo e o cliente vai se sentir único, porém o objetivo a ser alcançado é o sucesso no seu negócio.

Osmar Rezende de Abreu Pastore


osmar1Prof. Mes. Osmar Rezende de Abreu Pastore

Mestre em Administração com ênfase em Gestão Internacional pela ESPM – Pós-Graduado em Finanças – Bacharel em Engenheiro Civil pela UFRJ; MBA em Administração pelo COPPEAD-UFRJ; Bacharel em Administração pela UAM; Mestrado no Programa de Gestão Internacional da ESPM. Professor de Cursos de Graduação e Pós em Sistemas de Informação, Administração, Gestão de Marketing e Vendas, Logística e Engenharia de Produção em instituições de ensino como PUC-RJ, UNISA, Universidade Anhembi Morumbi, Universidade Braz Cubas e ESPM. Educador corporativo, consultor de empresas e empresário. Conselheiro da OSCIP (ONG) Conselho Nacional de Defesa Ambiental – CNDA. Diretor Presidente do Instituto Brasileiro de Apoio À Pequena E Média Empresa – IBRAPEM.